Faça seu site!
Home > Noticias > Frei Tiburcio comenta sobre o transporte alternativo

NOTICIAS

Frei Tiburcio comenta sobre o transporte alternativo

17/05/2014 - 03:10:31

Frei Tiburcio comenta sobre o transporte alternativo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tradição que se renova


Teria começado na segunda-feira a campanha política de distribuição de passes livres e ingressos para shows durante a Exposição Agropecuária. Como é tradição há anos, para quem não consegue tais regalias a turma da Prefeitura culpa a turma do Sindicato Rural e vice-versa. Oremus.

 

Desabafo de um traído


Este abade está se sentindo traído pelo medalhista olímpico Zé Augusto. Ele brindou com medalhas até os seus amigos da oposição, inclusive os que já morreram e esqueceu deste caquético religioso que baseado na teoria "ruim com ele, pior sem ele", previu que um dia ele acabaria alcaide de fato e de direito.

 

Perguntar não ofende


Em razão do Dia das Mães, doze mulheres foram homenageadas pela Gaiola das Loucas, com direito a discursos e placas. Cada edil indicou uma mulher que representaria a garra das mulheres barbacenenses. Mas, será porque o Amarílio, o Pastor Johnson e o Flávio Barbosa não encontraram nenhuma mulher de garra para homenagear?

 

Sem vaidade I


Criticando a postura dos governistas, o edil Gonzagão afirmou que ele, Ronaldo Braga e Kikito legislam sem vaidades pessoais e sim em prol da população, defendendo que até em reuniões fora da Gaiola pode-se tratar de vários assuntos, mas, Antônio, o Vetador, tem de parar de vetar os projetos e reivindicações dos edis.

 

Sem vaidade II


O genro-edil Maluf afirmou que cabe a Antônio, o Sumido, receber e atender os edis e também a população, defendendo que os edis têm de se reunir, até mesmo fora Gaiola, para discutirem sem vaidades o que for pelo bem da cidade.

 

Da cozinha do homem I


Em aparte, o Flávio Barbosa lembrou que os edis não têm que se reunir com ninguém, uma vez que quem necessita atender e respeitar os edis é Antônio, o Emburrado, que não quer ouvir os aliados, tanto que colocou na entrada de seu gabinete uma guarda municipal, que só deixa entrar quem tem audiência marcada, ao contrário da ex-alcaide Danuza, sempre receptiva à edilidade.

 

Da cozinha do homem II


Um edil mais ou menos confiável confessou a este velho abade que quem dá a ordem para a guarda municipal deixar entrar e sair do gabinete do alcaide é ninguém menos do que uma experiente apostilada, que vem a ser esposa do Flávio Barbosa. Oremus.

 

Transporte alternativo


O pseudo secretário Barraca seria o único assessor do Antônio, o Desaparecido, que atenderia os edis sem agenda prévia e sem passar pela guarda municipal. Assim, ele acabou com a série de derrotas do alcaide no Legislativo, pois foi mantido o seu veto à implantação do transporte alternativo.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Jornal de Sabado

COMPARTILHE

COMENTE

Top 10 Mundo Mix

Notícias

Vídeos