Faça seu site!
Home > Noticias > Frei tiburcio comenta sobre o trânsito de BQ

NOTICIAS

Frei tiburcio comenta sobre o trânsito de BQ

23/08/2014 - 10:13:41

Frei tiburcio comenta sobre o trânsito de BQ

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Errata


Devido à caducidade deste ramerrento nonagenário abade, dissemos que os servidores municipais estão a sofrer com a queda da Lei 100. Na verdade, são os servidores estaduais que estão na contingência desta trapalhada do atual governo de Minas que inconstitucionalissimamente tentou efetivar servidores sem o devido concurso.

 

Vai-e-vem


Até agora este abade não sabe se vai descer ou subir de seu ônibus no Suntuoso Terminal Rodoviário Municipal. Antônio, o Condutor, bem que tentou organizar o serviço, mas o povo ingrato não compreendeu suas boas intenções e deturpou sua lei. Assim, tudo fica como dantes...

 

Fria


Cá entre nós, ao invés de ficar mudando leis, Antônio deveria era trocar a equipe de assessores que permite que ele literalmente embarque nessas frias... Oremus.

 

Bode preto


Aliás, basta falar em transporte público, passagem de ônibus, barracas, bodes pretos e outros temas relativos à decantada mobilidade urbana local, para o ambiente político esquentar. É bom Antônio e sua equipe se lembrarem que por causa de 20 centavos quase que a República veio abaixo no ano passado...

 

Engarrafado


Antônio, o Municipalista gosta muito de falar do Pacto Federativo, sem talvez, se dar conta de que é exatamente este pacto quebrado que provoca um dos piores indicadores desta cidade: o trânsito. A verdade é que o setor hoje está abandonado, pois há muito tempo a Polícia Militar não se faz presente. Quem se lembra dos bonezinhos brancos e dos apitos? Desapareceram do cenário urbano...

 

Cadê?


E quem está no lugar da PM? Ninguém...

 

Vergonha


Se prevalecessem as paradas obrigatórias no Terminal Rodoviário a coisa ia ficar feia. É que o Terminal está em fase terminal...

 

Nunca foi lá


O estado de abandono do local só pode ser explicado pelo fato de que os últimos mandatários municipais provavelmente nunca utilizaram os serviços da rodoviária ou sequer a conhecem pessoalmente. Se conhecessem teriam vergonha de sua omissão...

 

Feiúra municipal


Mas não é só a rodoviária que causa tristeza aos contribuintes. Basta uma visita ao prédio da própria Prefeitura, na rua Silva Jardim, para se ver o desmazelo e a precariedade reinantes na administração do município. Há décadas o imóvel está infestado de pombos e sem pintura ... O retrato acabado da esculhambação.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Jornal de Sabado

COMPARTILHE

COMENTE

Top 10 Mundo Mix

Notícias

Vídeos